• lsi
  • poli usp
  • usp

Press releases

2009

  • 04/05/2017
    Projeto finalista Intel ISEF 2017
    • Projeto finalista Intel ISEF 2017

      Escola: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) Orientador: Justino de Araújo Medeiros Coorientadora: Andrea Cássia Peixoto Bittencourt

      Nome: Lorenna Santos Vilas Boas Idade: 18 anos Estado: Salvador - BA Motivação: Eu conheci a robótica com 8 anos. Eu acredito na tecnologia como uma ferramenta de melhorar a vida das pessoas. Curiosidade: Jovem Embaixadora da Brazil Conference em Harvard & MIT

      Resumo Extraído dos Anais da FEBRACE 2017

      O projeto intitulado “JustStep – Piso Tátil Integrado a Comando de Voz” foi desenvolvido impulsionado pelas dificuldades dos cegos em localizarem-se ao longo dos espaços públicos de ensino, apresentando-se como uma ferramenta de Tecnologia Assistiva. O intuito é construir um sistema de comando de voz que indique a localização exata do cego, quando este caminhar sobre o piso tátil de alerta.

      Assim, pretende-se garantir maior segurança e autonomia para os deficientes visuais circularem pelas instituições de ensino. O sistema é composto de duas partes, realizadas simultaneamente: a elaboração da placa sensorial, que identifique quando o cego caminhar sobre, e o subsistema para reprodução do comando de voz. No primeiro caso, buscou-se avaliar diferentes possibilidades de sensores – incluindo os não projetados para este fim. Já para o sistema de reprodução, foi necessário avaliar as diferentes peculiaridades na reprodução do som e qual se encaixava melhor na natureza do projeto. Os resultados mostram que, para a placa sensorial, alternativa mais eficiente e econômica seria por meio de 4 chaves de contato do tipo push-button, conectadas em paralelo, de modo que, uma vez pressionada, qualquer uma delas acione o comando de voz para aquele local.

      Este, por sua vez, foi projetado para reprodução de arquivos wav, por decodificação de bits a partir da saída PWM. Isto se deu por conta da necessidade de controlar a reprodução a partir de um comando de entrada, o que reflete a necessidade de um microcontrolador no sistema. A comunicação entre o piso e o sistema de reprodução foi feita por meio de radio frequência, definida a partir da avaliação de outras possibilidades, como o Bluetooth e wifi. Por fim, pode-se afirmar que os objetivos foram alcançados, pois foi possível obter um protótipo final com grande potencial de aplicação, por conta da sua eficiência nos testes e custo-benefício, possibilitando sua utilização em interiores além do ambiente de ensino.

  • 04/05/2017
    A instituição foi reconhecida na Cerimônia de Premiação, no dia 26 de abril, em São Paulo.
    • A instituição foi reconhecida na Cerimônia de Premiação, no dia 26 de abril, em São Paulo.

      Na edição de 2017 do Prêmio Petér Murányi, a FEBRACE ganhou notoriedade ao ser um dos três projetos finalistas na categoria educação, destacando-se entre os 149 participantes. Sua iniciativa inovadora foi publicamente reconhecida com o Certificado de Menção Honrosa, evidenciando a relevância do seu papel empreendedor e pedagógico.

      A FEBRACE é um movimento nacional de estímulo à cultura científica, à inovação e ao empreendedorismo na educação básica e técnica, propiciando a interação entre estudantes, professores, profissionais e cientistas em espaços que possibilitam novas experiências e oportunidades. Na 15ª edição, em 2017, a FEBRACE reuniu mais de 62 mil jovens talentos de diversos municípios das 27 unidades da federação, que desenvolveram projetos investigativos e os submeteram diretamente ou através de uma das 126 feiras afiliadas. Foram selecionados para a mostra que aconteceu em março na USP, 346 projetos, apresentados por 763 estudantes finalistas acompanhados por 484 professores orientadores.

      A Fundação Petér Murányi, instituição realizadora da premiação, foi inaugurada em 1999 com o intuito de reconhecer iniciativas inovadoras que viabilizem melhor qualidade de vida para as populações de países que se encontram em desenvolvimento.

      Nos seus anos de atuação, a instituição já entregou mais de 15 prêmios anuais que são alternados nas seguintes áreas: Saúde, Desenvolvimento Científico e Tecnológico, Educação e Alimentação.

  • 07/04/2017
    Jovens talentos do Amapá são destaque na maior feira de Ciência e Engenharia do país
    • Três estudantes do estado foram premiados na 15ª edição da FEBRACE, realizada na Escola Politécnica da USP, em São Paulo, no início de março.

      Com uma pesquisa que propõe o uso de borra de café para produção de fertilizante e pesticida orgânicos, três estudantes do Amapá conquistaram o Prêmio ABRITEC - Certificado de Incentivo a Pesquisa Tecnológica e Científica, concedido pela Associação Brasileira de Incentivo à Tecnologia e Ciência (Abritec) durante a 15ª edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia – FEBRACE, realizada de 21 a 23 de março, em São Paulo, nas dependências da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP).

      Os autores do projeto “A compostagem da borra do café como alternativa sustentável na produção de fertizante e pesticida orgânicos” foram Vitória Luzia Bentes Pantoja, Emerson Maciel de Sousa e Marcelle Mourão dos Santos, alunos da Escola Estadual Irmã Santina Rioli, situada em Macapá. Este foi um dos três projetos do Amapá premiados no evento.

      A FEBRACE é a maior mostra pré-universitária de ciências e engenharia do País, não apenas pela abrangência, mas também pela qualidade dos projetos. Nesta edição foram apresentados 346 projetos, desenvolvidos por 763 estudantes do ensino fundamental, médio e técnico de todos os estados brasileiros. Eles foram selecionados entre mais de 2.2 mil projetos, submetidos diretamente pelos estudantes ou por meio das 126 feiras de ciência afiliadas.

      Os finalistas premiados receberam troféus, medalhas, bolsas e estágios, num total aproximado de 300 prêmios. Também concorreram a 70 bolsas de iniciação científica Junior do CNPq e a uma das vagas para representar o Brasil na Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel ISEF), que será realizada em maio, em Los Angeles (EUA). Veja a lista completa dos premiados neste site: http://febrace.org.br/finalistas-e-premiados/

      A FEBRACE é promovida anualmente pela Poli-USP, por meio do Laboratório de Sistemas Integráveis (LSI). Além da mostra de projetos, conta com atividades voltadas para gestores e para os professores orientadores dos estudantes participantes.


      Atendimento à imprensa: Érika Coradin (erika@academica.jor.br) pelos telefones (11) 5549-1863 / 5081-5237 ou com Elena Saggio (elena@lsi.usp.br) pelo telefone (11) 3091-5676.

  • 07/04/2017
    Jovens talentos do Acre desenvolvem ar condicionado sustentável e são destaque na maior feira de Ciência e Engenharia do país
    • Projeto conquistou “Prêmio Destaque Unidades de Federação” na 15ª edição da FEBRACE, realizada na Escola Politécnica da USP, em São Paulo.

      Os estudantes Allan Henrique Galvão Rodrigues e Bruno de Lucca Pinheiro da Silva, do Instituto São José, localizado em Rio Branco, no Acre, foram destaque na 15ª edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia – FEBRACE. Eles apresentaram o projeto “Ar-condicionado Sustentável” no evento, realizado de 21 a 23 de março, em São Paulo, nas dependências da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP), e conquistaram a premiação concedida pela organização do evento.

      A FEBRACE é a maior mostra pré-universitária de ciências e engenharia do País, não apenas pela abrangência, mas também pela qualidade dos projetos. Nesta edição foram apresentados 346 projetos, desenvolvidos por 763 estudantes do ensino fundamental, médio e técnico de todos os estados brasileiros. Eles foram selecionados entre mais de 2.2 mil projetos, submetidos diretamente pelos estudantes ou por meio das 126 feiras de ciência afiliadas.

      Os finalistas premiados receberam troféus, medalhas, bolsas e estágios, num total aproximado de 300 prêmios. Também concorreram a 70 bolsas de iniciação científica Junior do CNPq e a uma das vagas para representar o Brasil na Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel ISEF), que será realizada em maio, em Los Angeles (EUA). Veja a lista completa dos premiados neste site: http://febrace.org.br/finalistas-e-premiados/

      A FEBRACE é promovida anualmente pela Poli-USP, por meio do Laboratório de Sistemas Integráveis (LSI). Além da mostra de projetos, conta com atividades voltadas para gestores e para os professores orientadores dos estudantes participantes.


      Atendimento à imprensa: Érika Coradin (erika@academica.jor.br) pelos telefones (11) 5549-1863 / 5081-5237 ou com Elena Saggio (elena@lsi.usp.br) pelo telefone (11) 3091-5676.

  • 07/04/2017
    Jovens talentos de Alagoas são destaque na maior feira de Ciência e Engenharia do país
    • As estudantes apresentaram na 15ª edição da Febrace, realizada na Escola Politécnica da USP, em São Paulo, uma pomada para tratar pessoas diabéticas.

      Três alunas da Escola Estadual Professora Izaura Antônia de Lisboa, da cidade de Arapiraca, em Alagoas, foram destaque na 15ª edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia – FEBRACE, realizada de 21 a 23 de março, em São Paulo, nas dependências da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP). Com o projeto “Produção de pomada a partir de espécies vegetais, para aceleração da cicatrização das lesões cutâneas contraídas pelos portadores da diabetes”, as estudantes Maria Beatriz Macedo Góes de Barros, Maria Carolyne Lima e Wanessa Kelly de Lima conquistaram o “Prêmio Destaque Unidades” da Federação, concedido pela organização do evento.

      A FEBRACE é a maior mostra pré-universitária de ciências e engenharia do País, não apenas pela abrangência, mas também pela qualidade dos projetos. Nesta edição foram apresentados 346 projetos, desenvolvidos por 763 estudantes do ensino fundamental, médio e técnico de todos os estados brasileiros. Eles foram selecionados entre mais de 2.2 mil projetos, submetidos diretamente pelos estudantes ou por meio das 126 feiras de ciência afiliadas.

      Os finalistas premiados receberam troféus, medalhas, bolsas e estágios, num total aproximado de 300 prêmios. Também concorreram a 70 bolsas de iniciação científica Junior do CNPq e a uma das vagas para representar o Brasil na Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel ISEF), que será realizada em maio, em Los Angeles (EUA). Veja a lista completa dos premiados neste site: http://febrace.org.br/finalistas-e-premiados/

      A FEBRACE é promovida anualmente pela Poli-USP, por meio do Laboratório de Sistemas Integráveis (LSI). Além da mostra de projetos, conta com atividades voltadas para gestores e para os professores orientadores dos estudantes participantes.


      Atendimento à imprensa: Érika Coradin (erika@academica.jor.br) pelos telefones (11) 5549-1863 / 5081-5237 ou com Elena Saggio (elena@lsi.usp.br) pelo telefone (11) 3091-5676.

  • 07/04/2017
    Jovens talentos do Amazonas são destaque na maior feira de Ciência e Engenharia do país
    • Seis projetos de estudantes do estado foram premiados na 15ª edição da FEBRACE, realizada na Escola Politécnica da USP, em São Paulo.

      Seis projetos desenvolvidos por alunos do Estado do Amazonas foram premiados na 15ª edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia – FEBRACE, que foi realizada de 21 a 23 de março, em São Paulo, nas dependências da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP). O estado amazonense foi contemplado com um total de seis prêmios durante o evento.

      Entre os destaques está o trabalho “Sustentabilidade em um colégio militar na Amazônia: eficiência energética visando uma economia de baixo carbono e atenuação da desigualdade social”, dos estudantes do Colégio Militar de Manaus, Victória do Monte Rodrigues, Giorgio Antônio Chiarini Silva e Tales Antônio Martins Lima. Eles conquistaram o segundo lugar na categoria “Votação Popular”.

      Já o projeto “Lest e Lazu: plataformas tecnológicas educacionais”, do estudante Leonardo Lívio dos Santos Silva, do Centro de Educação Sesc José Roberto Tadros, de Manaus, ficou na quarta colocação entre os “Destaques FEBRACE em Ciências Exatas e da Terra”, concedido pela organização do evento.

      A FEBRACE é a maior mostra pré-universitária de ciências e engenharia do País, não apenas pela abrangência, mas também pela qualidade dos projetos. Nesta edição foram apresentados 346 projetos, desenvolvidos por 763 estudantes do ensino fundamental, médio e técnico de todos os estados brasileiros. Eles foram selecionados entre mais de 2.2 mil projetos, submetidos diretamente pelos estudantes ou por meio das 126 feiras de ciência afiliadas.

      Os finalistas premiados receberam troféus, medalhas, bolsas e estágios, num total aproximado de 300 prêmios. Também concorreram a 70 bolsas de iniciação científica Junior do CNPq e a uma das vagas para representar o Brasil na Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel ISEF), que será realizada em maio, em Los Angeles (EUA). Veja a lista completa dos premiados neste site: http://febrace.org.br/finalistas-e-premiados/

      A FEBRACE é promovida anualmente pela Poli-USP, por meio do Laboratório de Sistemas Integráveis (LSI). Além da mostra de projetos, conta com atividades voltadas para gestores e para os professores orientadores dos estudantes participantes.


      Atendimento à imprensa: Érika Coradin (erika@academica.jor.br) pelos telefones (11) 5549-1863 / 5081-5237 ou com Elena Saggio (elena@lsi.usp.br) pelo telefone (11) 3091-5676.

  • 07/04/2017
    Jovens talentos da Bahia são destaque na maior feira de Ciência e Engenharia do país
    • Sete projetos de alunos do estado foram premiados na 15ª edição da FEBRACE, realizada na Escola Politécnica da USP, em São Paulo, no início de março.

      Sete projetos do Estado da Bahia foram premiados na 15ª edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia – FEBRACE, realizada de 21 a 23 de março, em São Paulo, nas dependências da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP). Um dos destaques foi a estudante Lorenna Santos Vilas Boas, que conquistou três prêmios, incluindo o Intel ISEF. Com isso, ela vai integrar a delegação brasileira que vai participar da Intel ISEF – International Science and Engineering Fair, feira internacional de Ciências que se realiza anualmente nos Estados Unidos.

      Lorenna, que é aluna do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) - Campus Salvador, também conquistou o “Prêmio Intel Mulheres e Tecnologia”, concedido pela empresa, e o “Primeiro Lugar em Engenharia”, concedido pela FEBRACE. Ela desenvolveu o projeto “JustStep – piso tátil integrado a comando de voz”.

      A FEBRACE é a maior mostra pré-universitária de ciências e engenharia do País, não apenas pela abrangência, mas também pela qualidade dos projetos. Nesta edição foram apresentados 346 projetos, desenvolvidos por 763 estudantes do ensino fundamental, médio e técnico de todos os estados brasileiros. Eles foram selecionados entre mais de 2.2 mil projetos, submetidos diretamente pelos estudantes ou por meio das 126 feiras de ciência afiliadas.

      Os finalistas premiados receberam troféus, medalhas, bolsas e estágios, num total aproximado de 300 prêmios. Também concorreram a 70 bolsas de iniciação científica Junior do CNPq e a uma das vagas para representar o Brasil na Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel ISEF), que será realizada em maio, em Los Angeles (EUA). Veja a lista completa dos premiados neste site: http://febrace.org.br/finalistas-e-premiados/

      A FEBRACE é promovida anualmente pela Poli-USP, por meio do Laboratório de Sistemas Integráveis (LSI). Além da mostra de projetos, conta com atividades voltadas para gestores e para os professores orientadores dos estudantes participantes.


      Atendimento à imprensa: Érika Coradin (erika@academica.jor.br) pelos telefones (11) 5549-1863 / 5081-5237 ou com Elena Saggio (elena@lsi.usp.br) pelo telefone (11) 3091-5676.

  • 07/04/2017
    Jovens talentos do Ceará são destaque na maior feira de Ciência e Engenharia do país
    • Nove projetos desenvolvidos por alunos do estado foram premiados na 15ª edição da FEBRACE, realizada na Escola Politécnica da USP, em São Paulo.

      Nove projetos do Estado do Ceará foram premiados na 15ª edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia – FEBRACE, realizada de 21 a 23 de março, em São Paulo, nas dependências da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP). Dois dos projetos, um da cidade de Jaguaribe e outro de Bela Cruz, conquistaram o primeiro lugar nas categorias Ciências Humanas e Ciências Sociais Aplicadas, respectivamente. Ambos são concedidos pela organização da FEBRACE.

      Os estudantes Marcelo Augusto Vieira e Raquel Taynan Cunha Vieira, da E.E.F.M. Militana Paes, situada em Jaguaribe, ficaram em primeiro lugar em Ciências Humanas com o projeto “Os atores políticos do poder executivo jaguaribano: ações, memórias e imagem pública (1972-2012)”. Já os alunos José Mateus Pires, Erivan Menezes Ribeiro Júnior e Marcos Tiago Rios, da E.E. Educação Profissional Júlio França, de Bela Cruz, foram os vencedores na categoria Ciências Sociais Aplicadas, com o projeto “Semiárido sustentável: reinventando ações de convivência com a seca”.

      A FEBRACE é a maior mostra pré-universitária de ciências e engenharia do País, não apenas pela abrangência, mas também pela qualidade dos projetos. Nesta edição foram apresentados 346 projetos, desenvolvidos por 763 estudantes do ensino fundamental, médio e técnico de todos os estados brasileiros. Eles foram selecionados entre mais de 2.2 mil projetos, submetidos diretamente pelos estudantes ou por meio das 126 feiras de ciência afiliadas.

      Os finalistas premiados receberam troféus, medalhas, bolsas e estágios, num total aproximado de 300 prêmios. Também concorreram a 70 bolsas de iniciação científica Junior do CNPq e a uma das vagas para representar o Brasil na Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel ISEF), que será realizada em maio, em Los Angeles (EUA). Veja a lista completa dos premiados neste site: http://febrace.org.br/finalistas-e-premiados/

      A FEBRACE é promovida anualmente pela Poli-USP, por meio do Laboratório de Sistemas Integráveis (LSI). Além da mostra de projetos, conta com atividades voltadas para gestores e para os professores orientadores dos estudantes participantes.


      Atendimento à imprensa: Érika Coradin (erika@academica.jor.br) pelos telefones (11) 5549-1863 / 5081-5237 ou com Elena Saggio (elena@lsi.usp.br) pelo telefone (11) 3091-5676.

  • 07/04/2017
    Jovem talento do Distrito Federal é destaque na maior feira de Ciência e Engenharia do país
    • Estudante analisa óleos essenciais de plantas do cerrado com potencial para proteção contra raios UV e é premiada na 15ª edição da FEBRACE, realizada na Escola Politécnica da USP, em São Paulo.

      A estudante Sthefany Aline Dutra Silva, do Centro de Ensino Médio 02 do Gama, do Distrito Federal, foi destaque na 15ª edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia – FEBRACE, realizada de 21 a 23 de março, em São Paulo, nas dependências da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP). Com o projeto “Análise de diferentes óleos essenciais, extraídos de plantas do cerrado, para a proteção contra a radiação ultravioleta”, ela conquistou o “Prêmio ABRIC de Excelência em Iniciação Científica”, concedido pela Associação Brasileira de Incentivo à Ciência (Abric).

      A FEBRACE é a maior mostra pré-universitária de ciências e engenharia do País, não apenas pela abrangência, mas também pela qualidade dos projetos. Nesta edição foram apresentados 346 projetos, desenvolvidos por 763 estudantes do ensino fundamental, médio e técnico de todos os estados brasileiros. Eles foram selecionados entre mais de 2.2 mil projetos, submetidos diretamente pelos estudantes ou por meio das 126 feiras de ciência afiliadas.

      Os finalistas premiados receberam troféus, medalhas, bolsas e estágios, num total aproximado de 300 prêmios. Também concorreram a 70 bolsas de iniciação científica Junior do CNPq e a uma das vagas para representar o Brasil na Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel ISEF), que será realizada em maio, em Los Angeles (EUA). Veja a lista completa dos premiados neste site: http://febrace.org.br/finalistas-e-premiados/

      A FEBRACE é promovida anualmente pela Poli-USP, por meio do Laboratório de Sistemas Integráveis (LSI). Além da mostra de projetos, conta com atividades voltadas para gestores e para os professores orientadores dos estudantes participantes.


      Atendimento à imprensa: Érika Coradin (erika@academica.jor.br) pelos telefones (11) 5549-1863 / 5081-5237 ou com Elena Saggio (elena@lsi.usp.br) pelo telefone (11) 3091-5676.

  • 07/04/2017
    Jovens talentos do Espírito Santo são destaque na maior feira de Ciência e Engenharia do país
    • Quatro projetos do estado foram premiados na 15ª edição da FEBRACE, realizada na Escola Politécnica da USP, em São Paulo, no início de março.

      Quatro projetos do Espírito Santo foram premiados na 15ª edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia – FEBRACE, que foi realizada de 21 a 23 de março, em São Paulo, nas dependências da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP). O estudante Gustavo Bonomo Guimarães, do Instituto Federal do Espírito Santo - Campus São Mateus, foi um destaque no evento, obtendo um prêmio concedido pela organização do evento com o quarto lugar na categoria “Engenharia”. Ele é autor do trabalho “Controle e interface de veículo aéreo não tripulado em voo autônomo, para aplicação na agricultura de precisão”.

      A FEBRACE é a maior mostra pré-universitária de ciências e engenharia do País, não apenas pela abrangência, mas também pela qualidade dos projetos. Nesta edição foram apresentados 346 projetos, desenvolvidos por 763 estudantes do ensino fundamental, médio e técnico de todos os estados brasileiros. Eles foram selecionados entre mais de 2.2 mil projetos, submetidos diretamente pelos estudantes ou por meio das 126 feiras de ciência afiliadas.

      Os finalistas premiados receberam troféus, medalhas, bolsas e estágios, num total aproximado de 300 prêmios. Também concorreram a 70 bolsas de iniciação científica Junior do CNPq e a uma das vagas para representar o Brasil na Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel ISEF), que será realizada em maio, em Los Angeles (EUA). Veja a lista completa dos premiados neste site: http://febrace.org.br/finalistas-e-premiados/

      A FEBRACE é promovida anualmente pela Poli-USP, por meio do Laboratório de Sistemas Integráveis (LSI). Além da mostra de projetos, conta com atividades voltadas para gestores e para os professores orientadores dos estudantes participantes.


      Atendimento à imprensa: Érika Coradin (erika@academica.jor.br) pelos telefones (11) 5549-1863 / 5081-5237 ou com Elena Saggio (elena@lsi.usp.br) pelo telefone (11) 3091-5676.

  • proxima
Informações para a imprensa

Elena Saggio - elena@lsi.usp.br

  • Blog
  • Twitter
  • Youtube
  • Facebook
  • Flickr